Aborto e bioética no jornal Folha de São Paulo

Edclécia Reino Carneiro de Morais, Renata Lira dos Santos Aléssio, Larissa de Siqueira Coelho, Joanna Luiza da Cunha Pontes

Resumo


Este trabalho objetivou analisar, à luz da teoria das representações sociais, a construção do aborto como notícia atrelada aos debates bioéticos na imprensa
brasileira. Foram selecionadas 46 matérias sobre aborto do acervo do jornal Folha de São Paulo. Os dados foram analisados com ajuda do software
ALCESTE, resultando em dois eixos: 1-ampliação das possibilidades legais para o aborto? - jornalistas e opinião pública aquecem a discussão sobre o
acesso ao aborto; 2- definição de pessoa e valores - destaque para a discussão ontológica sobre o estatuto da pessoa e do embrião. A questão do aborto
aparece aqui investida por preocupações normativas relativas à dimensão axiológica do direito à vida e à clivagem simbólica entre mulher e embrião.


Palavras-chave


Bioética; Aborto; Teoria das Representações Sociais; Imprensa.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

   Revista Psicologia em Pesquisa

   Vinculada ao Programa de Pós-graduação em Psicologia

   Universidade Federal de Juiz de Fora
   Departamento de Psicologia – ICH
   Campus Universitário – Bairro Martelos
   Juiz de Fora – MG - CEP: 36036-330

   E-mail: revista.psicologiaempesquisa@ufjf.edu.br

   e-ISSN 1982-1247

   DOI: 10.24879


   INDEXADORES