Perfil epidemiológico das intoxicações exógenas na cidade de Juiz de Fora - MG

Herval Lacerda Bonfante, Rafael Luís Ferreira Silva, Paula Rodrigues Sampaio, Vitor Vieira Estephanin, Isabel Cristina Gonçalves Leite

Resumo


A intoxicação exógena é resultado dos efeitos nocivos da interação de uma substância química com o organismo. É considerada um problema de saúde pública, pois aumenta a morbidade e a mortalidade. O objetivo desse estudo foi caracterizar o perfil epidemiológico das intoxicações exógenas na cidade de Juiz de Fora - MG. Foi realizado um estudo retrospectivo, transversal e descritivo com dados oriundos de registros de casos ocorridos entre 1º de janeiro de 2013 a 1º de janeiro de 2014. As informações utilizadas foram consultadas em prontuários médicos e resultados de exames toxicológicos, sendo as variáveis contínuas descritas por média e desvio padrão. A associação entre sexo, faixa etária e tipo de intoxicação foi analisada por teste de Qui-quadrado, nível de significância 5%. Foram incluídos 154 prontuários. A idade média foi de 25 anos, com prevalência do sexo masculino (57%) e a letalidade de 4%. Os medicamentos constituíram as principais causas de intoxicações (42%). Em menores de 5 anos e em mulheres as medicações predominaram dentre as formas de intoxicações (p<0.01). Os resultados sugeriram que o perfil epidemiológico das intoxicações exógenas foi semelhante ao padrão nacional. Os dados avaliados indicaram que as intoxicações foram predominantemente para o sexo masculino e por meio de benzodiazepínicos, sendo a idade média de 25 anos dos indivíduos acometidos. As subnotificações e dados incompletos em prontuários dificultaram a avaliação completa acerca do assunto.


Palavras-chave


Intoxicações; Epidemiologia; Notificação Compulsória.

Texto completo:

PDF

Referências


ALONZO, H. G. A. Intoxicações agudas por praguicidas nos centros de toxicologia de seis hospitais universitários do Brasil em 1994. 143f. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva), Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1995.

ANDRADE, F. A; CAMPOLINA, D; DIAS, M. B. Toxicologia na prática clínica. 2. ed. Belo Horizonte: Folium, 2013.

AZEVEDO, L. C. P; TANIGUCHI, L. U; LADEIRA, J. P. Medicina Intensiva: abordagem prática. 2. ed. Barueri: Manole, 2015.

BERNARDES, S. S; TURINI, C. A; MATSUO, T. Perfil das tentativas de suicídio por sobredose intencional de medicamentos atendidas por um Centro de Controle de Intoxicações do Paraná, Brasil. Cadernos de Saúde Pública, v. 26, n. 7, p. 1366-1372, jul. 2010.

BERTASSO, M. S. B. et al. Eventos toxicológicos relacionados a medicamentos registrados no CEATOX de São José do Rio Preto, no ano de 2008. Arquivo de Ciências da Saúde, v. 17, n. 1, p. 35-41, jan./mar. 2010.

BORTOLETTO, M. E; BOCHNER, R. Impacto dos medicamentos nas intoxicações humanas no Brasil. Cadernos de Saúde Pública, v. 15, n. 4, p. 859-869, out./dez. 1999.

DA SILVA, G. A; DE OLIVEIRA, C. M. G. O registro das doenças de notificação compulsória: a participação dos profissionais da saúde e da comunidade. Revista de Epidemiologia e Controle de Infecção, v. 4, n. 3, p.215-220, jul./set. 2014.

FIOCRUZ/CICT/SINITOX. Fundação Oswaldo Cruz/Centro de Informação Científica e Tecnológica/Sistema Nacional de Informações Tóxico-Farmacológicas. Estatística Anual de Casos de Intoxicação e Envenenamento. Brasil, 2013. Disponível em: http://www.fiocruz.br/sinitox . Acesso em 17 Mar. 2017.

FIORELLI, K; ASSINI, F.L. A prescrição de benzodiazepínicos no Brasil: uma análise da literatura. ABCD Health Sciences, v. 42, n. 1, p. 40-44, mar./mai. 2017.

GARCIA, L. P; FREITAS, L. R. S. D. Consumo abusivo de álcool no Brasil: resultados da Pesquisa Nacional de Saúde 2013. Epidemiologia e Serviços de Saúde, Brasília, v. 24, n. 2, p. 227-237, abr./jun. 2015.

GONDIM, A P. S; CORREIA, G.A.R. Utilização de benzodiazepínicos e estratégias farmacêuticas em saúde mental. Saúde em Debate, Rio de Janeiro, v. 38, n.101, p. 393- 398, abr./jun. 2014.

MARGONATO, F. B.; THOMSON, Z.; PAOLIELLO, M. M. B. Determinantes nas intoxicações medicamentosas agudas na zona urbana de um município do Sul do Brasil. Caderno de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v.24, n.2, p. 333-341, fev. 2008.

MENDONÇA, R. T; CARVALHO, A. C. D. O consumo de benzodiazepínicos por mulheres idosas. SMAD. Revista eletrônica saúde mental álcool e drogas, v. 1, n. 2, p. 1-13, ago. 2005.

Ministério da Saúde (Brasil). Portaria Nº 204, de 17 de fevereiro de 2016. Institui Notificação compulsória semanal de Intoxicação Exógenas sobre suspeita ou confirmação diagnóstica. Diário Oficial da União 17 de Fev de 2016; Secção 1. Disponível em: https://www.jusbrasil.com.br/diarios/?ref=navbar. Acesso em 10 Jun. 2017.

NOTO, A. R. et al. Análise da prescrição e dispensação de medicamentos psicotrópicos em dois municípios do Estado de São Paulo. Revista Brasileira de Psiquiatria, v. 24, n. 2, p. 68-73, jan. 2002.

NOTO, A. R, et al. Levantamento nacional sobre o uso de drogas entre crianças e adolescentes em situação de rua nas 27 capitais brasileiras. São Paulo: CEBRID - Centro Brasileiro de Informação sobre Drogas Psicotrópicas: UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo; 2003.

O’DRISCOLL, P. T. et al. Predictors of accidental fatal drug overdose among a cohort of injection drug users. American Journal of Public Health, v. 91, n. 6, p. 984-987, jun. 2001

OLIVEIRA, L. H; RESENDE, A. B; NADALIN, B. A. Avaliação epidemiológica das intoxicações exógenas agudas atendidas no Pronto Socorro Municipal de Juiz De Fora. Revista Médica de Minas Gerais, Minas Gerais, v.15, n. 3, p. 153-156, ago. 2005.

ORLANDI, P; NOTO, A. R. Uso indevido de benzodiazepínicos: um estudo com informantes-chave no município de São Paulo. Revista Latino-Americana de Enfermagem, São Paulo, v. 13, n. especial, p. 896-902, set./out. 2005.

Rahme E, et al. Attempted Suicide Among Students and Young Adults in Montreal, Quebec, Canada: A Retrospective Cross-Sectional Study of Hospitalized and Nonhospitalized Suicide Attempts Based on Chart Review. The Primary Care Companion for CNS Disorders, v. 17, n. 5, p. 303- 311, out. 2015.

ZAMBOLIM, C. M. et al. Perfil das intoxicações exógenas em um hospital universitário. Revista Médica de Minas Gerais, v. 18, n. 1, p. 5-10, jan. 2008.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

HU Rev., Juiz de Fora, MG, Brasil. e-ISSN: 1982-8047 / p-ISSN: 0103-3123 

 

INDEXADORES:

     

 

   

 

  

 

 

  

 

 

 

 

Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia